Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/11992
Tipo: Artigo
Título: O lugar da economia criativa na difusão internacional da cultura brasileira: uma abordagem reflexivista diante a institucionalização da criatividade no Brasil (2013-2016)
Autor(es): Rezende, Felipe Augusto Oliveira
Primeiro Orientador: Tomazini, Rosana Corrêa
Resumo: Este trabalho objetiva a discussão sobre o caráter socialmente construído do expediente de difusão cultural tocado pela Divisão de Operações de Difusão Cultural (DODC) do Ministério das Relações Exteriores (MRE/Itamaraty) entre os anos de 2013 e 2016, com o intuito de analisar sobre possível favorecimento desta agência de Estado no que se refere aos setores econômicos da criatividade no Brasil. Enquanto a maioria dos setores industriais chafurdam em intensa recessão, a criatividade desponta como setor de destaque em termos de valor agregado ao PIB dos países. No Brasil, a institucionalização da criatividade politizou a matéria no nível de Poder Executivo federal, e, desde então, passou a ser temática relevante para as ciências política e sociais aplicadas. Nesse horizonte, o trabalho corrente se insere como contribuição de enfoque teórico reflexivista em Relações Internacionais, no sentido de compreender a agência da difusão cultural como um resultante oficial de certa performatividade dos fatores de cultura nacionais e da sua consequente autorepresentação pela chancelaria de Estado exteriormente.
Abstract: This paper aims to discuss the socially constructed nature of the cultural diffusion mandate carried out by the Division of Cultural Diffusion Operations (DODC), from the brazilian Ministry of Foreign Affairs (MRE/Itamaraty) between 2013 and 2016, in order to analyze possible favoring of this State agency in the core of economic sectors of the creativity in Brazil. While most industrial sectors wallow in an intense recession, creativity emerges as a sector of prominence in terms of added value to the country's' GDP. In Brazil, the institutionalization of creativity politicized this subject at the level of the Federal Executive branch, and since then, it has become a relevant subject for the social sciences. Within this horizon, the current paperwork forms part of a contribution based on the reflexivist theoretical approach in International Relations, in order to understand the agency of cultural diffusion as an official result of a certain performativity of the national cultural factors and of its consequent self-representation by the State’s chancellery abroad.
Palavras-chave: Difusão cultural
Diplomacia cultural
Economia criativa
Criatividade
Cultura
CNPq: CNPQ::OUTROS::RELACOES INTERNACIONAIS
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Católica de Brasília
Sigla da Instituição: UCB
Departamento: Escola de Humanidades, Negócios e Direito
Programa: Relações Internacionais (Graduação)
Citação: REZENDE, Felipe Augusto Oliveira. O lugar da economia criativa na difusão internacional da cultura brasileira: uma abordagem reflexivista diante a institucionalização da criatividade no Brasil (2013-2016). 2017. 91 f. Artigo (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/11992
Data do documento: 2017
Aparece nas coleções:Relações Internacionais (Graduação)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
FelipeAugustoOliveiraRezendeTCCGraduacao2017.pdfArtigo945.74 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.