Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/13329
Type: Artigo
Title: A percepção dos profissionais em relação à adesão ao tratamento pelos usuários de um serviço de saúde mental
Author(s): Valadares, Janessa Santos
First Advisor: Barros, Débora Santos Lula
Summary: Introdução: Os transtornos mentais, em sua maioria, são caracterizados como crônicos, por isso demandam tratamento medicamentoso a longo prazo, mesmo em fases assintomáticas. Objetivo: Analisar a percepção dos profissionais de saúde sobre a adesão à medicação pelos usuários atendidos em um Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de Unaí- MG, assim como compreender o papel do farmacêutico nesse processo. Métodos: Estudo qualitativo que adotou como técnica de pesquisa a entrevista com roteiro semi-estruturado. Os dados foram analisados e discutidos por meio da construção de categorias temáticas. Resultados e discussão: Os sujeitos que participaram da pesquisa foram quatro profissionais de saúde. As discussões provenientes da análise dos discursos dos participantes estão sistematizadas em quatro grandes categorias. Essas estão expressas com suas respectivas subcategorias: importância da adesão à medicação (instrumento para diminuição das internações/institucionalizações; prover efetividade do tratamento; permitir a intervenção/atuação dos profissionais); fatores limitadores (baixo grau de instrução e capacidade cognitiva do paciente, negação ao diagnóstico, anosognosia, perfil de segurança desfavorável da terapia, medicamento como componente das alucinações e delírios; lentidão das manifestações de efetividade terapêutica); fatores contributivos (comunicação efetiva entre profissional e paciente, esquemas terapêuticos que possibilitem comodidade posológica, seleção da melhor opção terapêutica, educação continuada em saúde dos pacientes e familiares e cooperação da família); e papel do farmacêutico. Conclusão: Dentro dessa perspectiva, é essencial a atuação do farmacêutico na equipe de saúde mental em prol de intervenções que sejam promotoras da adesão à medicação pelo paciente psiquiátrico. No entanto, a inserção desse profissional nas equipes de saúde mental ainda é precária, o que traz decréscimo da qualidade da assistência à saúde.
Abstract: The mental disorders, in most cases, are characterized as chronic therefore require long-term drug treatment, even in asymptomatic phases. Objective: To analyze the perception of healthcare professionals on medication adherence by users seen at a Centers of Attention Psychosocial (CAPS) of Unaí- MG, as well as understand the pharmacist's role in this process. Methods: This qualitative study adopted as research technique the interview with semi-structured script. Data were analyzed and discussed through the construction of thematic categories. Results and discussion: The subjects surveyed were four health professionals. Discussions from the analysis of the speeches of the participants are systematized into four broad categories. These are expressed with their respective subcategories: the importance of medication adherence (instrument to fewer hospitalizations / institutionalization; provide treatment effectiveness; allow the intervention / activities of professionals); limiting factors (low level of education and cognitive ability of the patient, denying the diagnosis, anosognosia, adverse side effects of therapy, medicine as a component of hallucinations and delusions; slowness of the manifestations of therapeutic effectiveness); contributory factors (effective communication between professionals and patients, treatment regimens that allow convenient dosage schedule, the best therapeutic option selection, continuing health education of patients and family and co-operation of the family); and role of the pharmacist. Conclusion: From this perspective, it is essential to the pharmaceutical activities in the mental health staff in favor of interventions that are promoters of medication adherence by psychiatric patient. However, the inclusion of these professionals in the mental health teams is still precarious, which brings decrease of health care quality.
Keywords: Medicamentos
Saúde mental
Centro de Atenção Psicossocial
Assistência farmacêutica
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FARMACIA
Language: por
Parents: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
Institution Abbreviation: UCB
Department: Escola de Saúde e Medicina
Program: Farmácia (Graduação)
Citation: VALADARES, Janessa Santos. A percepção dos profissionais em relação à adesão ao tratamento pelos usuários de um serviço de saúde mental. 2015. 47 f. Artigo (Graduação em Farmácia) – Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2015.
Access Type: Acesso Restrito
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/13329
Document date: 2015
Appears in Collections:Farmácia (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JanessaSantosValadaresTCCGraduacaoParcial2015.pdfArtigo (Parcial)303.54 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.