Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/13466
Type: Monografia(Graduação)
Title: Fenomenologia e psicoterapia no Brasil: uma revisão sistemática de literatura
Author(s): Oliveira, Shirley de Paula
First Advisor: Freitas, Marta Helena de
Summary: Este trabalho descreve o resultado de uma revisão sistemática de literatura na área de Psicologia acerca da Fenomenologia e suas implicações para a Psicoterapia. Foi realizado com o objetivo de conhecer como esta relação vem se desenvolvendo nas duas últimas décadas e analisar os seus desdobramentos para a prática clínica no Brasil. Para tanto, foi realizado levantamento nos bancos de dados virtuais: Portal Capes, Scielo, Pepsic e IndexPsi-BVS, em busca de artigos publicados nos últimos vinte anos. A primeira etapa do processo de levantamento foi a busca nas bases de dados utilizando os seguintes descritores: Fenomenologia AND Psicoterapia; Fenomenologia AND Psicologia Clínica. A segunda etapa consistiu na exclusão dos artigos repetidos. Na terceira etapa, foi realizada a seleção dos artigos publicados em português, empíricos ou teóricos, que fizessem relação entre a fenomenologia e a psicologia clínica. Com este processo, chegou-se ao número de 27 artigos para serem analisados em profundidade, considerando-se os seguintes aspectos: autores, ano de publicação, periódico, qualis das revistas, objetivos, tipo de estudo realizado, metodologia empregada, abordagem fenomenológica em foco, natureza das relações estabelecidas em fenomenologia e psicologia e implicações para a prática clínica. Verificou-se que a média de publicações no período pesquisado é de 1,35 artigos por ano, sendo os anos de 2010 e 2016 com maior número de publicações. A Revista da Abordagem Gestáltica, de avaliação qualis B1, é hegemônica nas publicações sobre o tema, contendo treze artigos publicados. A região Sudeste concentra 71% dos autores que publicaram sobre o tema nos últimos 20 anos. A abordagem fenomenológica em foco, em 10 dos 27 artigos encontrados, foi a Heideggeriana, mostrando a grande influência deste autor na clínica psicológica. A fenomenologia conforme proposta por Husserl aparece em apenas quatro artigos. Os resultados apontam que o método fenomenológico, nos artigos encontrados, não tem sido utilizado conforme originalmente proposto por Husserl e a abordagem existencialista tem sido mais prevalente na psicologia clínica.
Abstract: This paper describes the results of a systematic literature review in the field of Psychology about Phenomenology and its implications for Psychotherapy. It was carried out with the objective of knowing how this relationship has been developing in the last two decades and analyze its developments for clinical practice in Brazil. For that, a survey was carried out in the virtual databases: Portal Capes, Scielo, Pepsic and IndexPsi-BVS, in search of articles published in the last twenty years. The first step in the survey process was to search the databases using the following descriptors: Phenomenology and Psychotherapy; Phenomenology and Clinical Psychology. The second step consisted in the exclusion of repeated articles. In the third stage, the selection of articles published in Portuguese, empirical or theoretical, was carried out, linking phenomenology and clinical psychology. With this process, we reached the number of 27 articles to be analyzed in depth, from the following aspects: authors, year of publication, periodical, qualis of the journals, objectives, type of study carried out, methodology employed, phenomenological approach in focus , nature of the relationships established in phenomenology and psychology, and implications for clinical practice. It was verified that the average of publications in the studied period is 1.35 articles per year, being the years of 2010 and 2016 with greater number of publications. The Journal of the Gestalt Approach, qualis B1, is hegemonic in publications on the subject, containing thirteen published articles. The Southeast region accounts for 71% of the authors who have published on the topic in the last 20 years. The phenomenological focus in 10 of the 27 articles found was the Heideggerian, showing the great influence of this author in the psychological clinic. Phenomenology as proposed by Husserl appears in only four articles. The results point out that the phenomenological method, in the articles found, has not been used as originally proposed by Husserl and the existentialist approach has been more prevalent in clinical psychology.
Keywords: Fenomenologia
Psicologia clínica
Psicoterapia
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
Parents: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
Institution Abbreviation: UCB
Department: Escola de Saúde e Medicina
Program: Psicologia (Graduação)
Citation: OLIVEIRA, Shirley de Paula. Fenomenologia e psicoterapia no Brasil: uma revisão sistemática de literatura. 2019. 28 f. Monografia (Graduação em Psicologia) - Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2019.
Access Type: Acesso Restrito
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/13466
Document date: 1-Jul-2019
Appears in Collections:Psicologia (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ShirleydePaulaOliveiraTCCGraduacaoParcial2019.pdfMonografia (Parcial)434.05 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.