Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/13785
Type: Exposição
Title: Cápsula do tempo e Distorção e riso
Author(s): Cerino, André
Santos, Joaquim Rodrigues dos
Summary: A exposição Cápsula do Tempo, do artista plástico André Cerino, é composta por dez obras em acrílico sobre tela. A ideia da mostra individual é apresentar projetos, rascunhos idealizados pela humanidade ao longo do tempo. Mobílias, desenhos arquitetônicos, cálculos matemáticos, esboços de invenções, conexão com as novas tecnologias, consumo industrial, finanças, tudo se comunica com o mundo atual e com o mundo futuro, funcionando como uma viagem através da arte. O pintor quer deixar a marca do seu tempo presente para ser revista no futuro. Para ele, o maior legado que podemos dividir com as próximas gerações é o registro, a legitimação da nossa existência. Nos tempos das cavernas, os homens pré-históricos deixavam as narrativas de seu tempo nas paredes. Até hoje, graças a esses desenhos rupestres, podemos ver como eram suas vidas no passado. A Cápsula do Tempo é a memória do que vivemos. O rastro que deixamos sobre a Terra é a nossa história contemporânea. O artista, em sua tela, deixa a marca do seu tempo com uma mensagem do dia e hora em que a obra foi concebida, como também o que estava acontecendo naquele exato momento no mundo. As manchetes dos jornais, músicas, descobertas científicas e até as datas de nascimento de uma nova estrela são elementos artísticos significativos, que agem como guardiões da memória. Cada tela da exposição pretende levar o espectador a ativar as suas próprias lembranças e até a viver as memórias compartilhadas do artista. Na arte podemos aprisionar o tempo, mudar o futuro, corrigir os erros do passado. A ordem das coisas não tem uma lógica exata quando estamos diante de uma tempestade de acontecimentos e fatos. Cabe a cada um de nós nos situar na história e descobrir que mensagem estamos deixando para o futuro em nossa Cápsula do Tempo. | Joaquim Rodrigues dos Santos Nascido em Brasília, o cartunista e caricaturista Joaquim Rodrigues dos Santos, mais conhecido como Kim, é formado em Publicidade e Propaganda pela Universidade Católica de Brasília. Há cerca de 20 anos trabalha com caricaturas, cartoons e charges, tendo sido premiado em vários salões de humor pelo Brasil, como menção honrosa no 1º e 2º Salão Internacional Ecocartoon, voto popular; melhor charge no 5º Salão Nacional de Humor sobre a Fiscalização de Gastos Públicos; 1º lugar cartoon no 4º e 15º Salão de Humor Unimep de Piracicaba; menção honrosa - caricatura no Salão de Humor de Montes Claros. É reconhecido pelo trabalho desenvolvido para o Correio Braziliense, Revista Brasília em Dia, Jornal Imprensa de Goiás, Anvisa e também em eventos como Shell, Universidade Católica de Brasília, Samsung, Unibanco, Vivo, Condor Atacadista, Feira do Livro, dentre outros. Atualmente, trabalha como Analista de Criação e Designer Gráfico na empresa Marista da Província Brasil Centro-Norte e presta serviço como freelancer, atuando como cartunista e caricaturista.
Keywords: Exposição
Pintura
Cartoons
Charges
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::ARTES
Language: por
Parents: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
Institution Abbreviation: UCB
Department: SIBI - Biblioteca
Program: SIBI - Exposições
Access Type: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/13785
Document date: 2018
Appears in Collections:SIBI – Exposições

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cápsula do tempo e Distorção e riso.pdfExposição1.3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.