Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8173
metadata.dc.type: Monografia(Graduação)
Title: Comunicação pública e mídias sociais: uma análise das apropriações dos Tribunais de Justiça do país
metadata.dc.creator: Cantarino, Isabella Rosinha
metadata.dc.contributor.advisor1: Marques, Alberto
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho analisa e reflete sobre as apropriações feitas pelos órgãos públicos nas mídias sociais. Para tanto, foi necessária uma pesquisa bibliográfica a respeito de temas como Comunicação Pública, Comunicação Organizacional, além de procurar conhecer, a fundo, as mídias sociais e suas potencialidades. Como objeto de análise, a plataforma selecionada para estudo foi o Facebook, visto que, até o momento da publicação desta pesquisa, é a rede social com mais usuários no Brasil. Considerou-se analisar o cenário dos Tribunais de Justiça dos Estados e, logo, como critério para construção do corpus, foram selecionados os dois com mais curtidas em suas páginas da plataforma escolhida, sendo, respectivamente: Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo e Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul. Foram observadas publicações de cinco dias aleatórios, delimitados através de estudo prévio de amostragem. O resultado final mostrou que os tribunais estão inseridos nas redes sociais e percebem a importância dos meios. Entretanto, não adequam suas postagens a alguns critérios observados nesta pesquisa.
Abstract: This paper analyzes and reflects on the appropriations made by public institutions in social media. In order to do so, it was necessary bibliographical research on topics such as Public Communication, Organizational Communication, as well as to know in depth social media and its potentialities. As an object of analysis, the platform selected for study was Facebook, since up to the time of publication of this research, it is the social network with more users in Brazil. It was considered to analyze the scenario of the Courts of Justice of the States and, therefore, were selected the two with the most access in its pages of the chosen platform, being respectively: Court of Justice of the State of São Paulo and Court of Justice of the State of Rio Grande do Sul. Five-day randomized publications, delineated through a previous sampling study, were observed. The result showed that the Courts are inserted in social networks and perceive the importance of the means. However, they do not fit their posts to some criteria observed in this research.
Keywords: Jornalismo
Comunicação pública
Facebook
Mídias sociais
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
metadata.dc.publisher.initials: >UCB
metadata.dc.publisher.department: Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Jornalismo (Graduação)
Citation: CANTARINO, Isabella Rosinha. Comunicação pública e mídias sociais: uma análise das apropriações dos Tribunais de Justiça do país. 2016. 80 f. Monografia (Jornalismo), Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2016.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8173
Issue Date: 2016
Appears in Collections:Comunicação Social - Jornalismo (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
IsabellaRosinhaCantarinoTCCGRADUACAO2016.pdfMonografia2.55 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.