Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8270
metadata.dc.type: Artigo
Title: Seria a proteína isolada de soja uma opção para pessoas que buscam hipertrofia?
metadata.dc.creator: Silva, Ana Caroline Sandoval
metadata.dc.contributor.advisor1: Reis, Caio Eduardo G.
metadata.dc.description.resumo: A proteína da soja é uma proteína de alto valor biológico, que possui uma alta concentração de aminoácidos essenciais e de cadeia ramificada (leucina, valina e isoleucina). A proteína isolada de soja é uma importante fonte de proteína para os vegetarianos restritos (aquelas pessoas que não consomem nenhum tipo de produto de origem animal) e indivíduos com intolerância à lactose e/ou alergia a proteína do leite de vaca. Realizou-se revisão da literatura nas bases de dados nas bases de dados eletrônicas PubMed (US National Libary of Medicine, Bethesda, MD), utilizando as palavras chaves: soy protein, muscle, muscle protein synthesis. Objetivou-se analisar os efeitos do consumo da PIS sobre hipertrofia muscular. Após a revisão da literatura dez artigos foram incluídos sendo: nove randomizados, dois duplo-cego, um ensaio clínico, dois cruzado e dois mono-cego. Em relação ao tempo de acompanhamento dos estudos, foram classificados como de curta duração (3 - 4 horas) e longa duração (2 – 36 semanas). De forma geral, os resultados dos artigos analisados mostraram que a suplementação com proteína isolada de soja combinado com o treinamento resistido leva a um estímulo significativo para o aumento da massa muscular. Conclui-se que a proteína de soja isolada é uma boa opção para pessoas que possuem algum tipo de restrição, pois como foi notado em alguns estudos o uso da PIS resultou em efeitos benéficos aos seus usuários. A dose de 30 – 40g de PIS teve um efeito positivo no aumento da síntese proteica muscular pós- exercício em idosos não treinados por um período de quatro horas. Já a dose de aproximadamente 20g em adultos jovens treinados foi suficiente para mostrar benefícios em três horas de acompanhamento. Em mulheres pós-menopausa doses entre 25 – 40g de PIS foram suficientes para promover melhora na força muscular e saúde óssea. Já em adultos jovens em um período de seis a doze semanas de treinamento resistido consumindo doses variadas de proteína isolada de soja obtiveram resultados favoráveis para o aumento de força e hipertrofia.
Abstract: Soy protein is a high biological value protein, which has a high concentration of essential and branched chain aminoacids (leucine, isoleucine and valine). The soy protein isolate is an important source of protein for vegans (those who do not consume any animal product) and individuals with lactose intolerance and / or allergy to cow's milk protein. We conducted a literature review in the electronic databases PubMed (US National Libary of Medicine, Bethesda, MD) using the following keywords: Soy protein, muscle, muscle protein synthesis. This study aimed to analyze the effects of soy protein isolate consumption on muscle hypertrophy. After the literature review ten articles were included as follows: nine randomized, two double-blind, one trial, two cross and two single-blind. In relation to the follow-up studies were classified as short (3 - 4 hours) and long (2 - 36 weeks). Overall, the results of the analyzed papers showed that supplementation with soy protein isolate combined with resistance training leads to a significant stimulus to hypertrophy. It is concluded that the soy protein isolate is a good option for people who have some kind of restriction, for as noted in some studies the use of PIS resulted in beneficial effects for its users. The dose of 30 - 40g PIS had a positive effect on increasing the post-exercise muscle protein synthesis in elderly people not trained for a period of four hours. Already a dose of approximately 20 g in trained young adults was enough to show benefits in three hours of monitoring. In postmenopausal women doses between 25 - 40g of PIS were enough to promote improvement in muscle strength and bone health. Already in young adults over a period of six to twelve weeks of resistance training consuming varying doses of soy protein isolate obtained favorable results for increased strength and hypertrophy.
Keywords: Nutrição
Proteína de soja
Síntese proteica muscular
Músculo
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
metadata.dc.publisher.initials: UCB
metadata.dc.publisher.department: Escola de Saúde e Medicina
metadata.dc.publisher.program: Nutrição (Graduação)
Citation: SILVA, Ana Caroline Sandoval. Seria a proteína isolada de soja uma opção para pessoas que buscam hipertrofia?. 2015. 19 f. Artigo (Nutrição), Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2015.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8270
Issue Date: 20-Nov-2015
Appears in Collections:Nutrição (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AnaCarolineSandovalSilvaTCCGRADUACAO2015.pdfArtigo268.66 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.