Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8511
metadata.dc.type: Artigo
Title: De olho na mídia: um contraste entre as crenças e os usos da língua
metadata.dc.creator: Lima, Beatriz Rodrigues Carvalho de
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Vânia de Aquino
metadata.dc.description.resumo: Esta monografia, ancorada nos pressupostos teórico-metodológicos da Sociolinguística Variacionista, faz um contraste entre as crenças que um grupo de jornalistas brasileiros têm sobre o que é língua/variação linguística e o modo como essas pessoas usam efetivamente o português. Dora Kramer, Reinaldo Azevedo, Clóvis Rossi e Carlos Alberto Sardenberg foram os midiáticos selecionados como informantes porque escreveram artigos de opinião acerca da abordagem da diversidade linguística em sala de aula. A pesquisa, cujo enfoque é qualitativo, foi realizada a partir de quatro textos críticos e de oito vídeos de entrevistas, todos disponíveis na Internet. Por intermédio dos textos críticos, foi possível perceber que os informantes creem que a língua é uma entidade homogênea, pautada na tradição gramatical, e que variação linguística é erro. Já por meio das entrevistas, verificaram-se – no português utilizado pelos jornalistas, variações envolvendo a regência verbal, o uso do verbo ter com sentido existencial e o emprego de orações relativas copiadora e cortadora. Os resultados, portanto, evidenciaram a incompatibilidade entre as crenças e os usos linguísticos do grupo de informantes.
Abstract: This monograph is anchored in the theoretical and methodological assumptions of Variationist Sociolinguistics. It makes a contrast between the beliefs that a group of Brazilian journalists have about what is language/linguistic variation and how these people actually use Portuguese. Dora Kramer, Reinaldo Azevedo, Clóvis Rossi and Carlos Alberto Sardenberg were selected as informants because they wrote opinion articles about the approach of linguistic diversity in classroom. The research whose focus is qualitative was performed based on four critical texts and eight video interviews, all available on the Internet. Through the critical texts it was revealed that informants believe that language is a homogeneous entity, based on the grammatical tradition, and that linguistic variation is error. Otherwise, through the interviews it was verified – in the Portuguese language used by those journalists, variations involving verbal regency, the use of the verb to have (ter) meaning existence and the use of relative clauses copier and cutter. The results thus showed the mismatch between beliefs and language used by these media people group.
Keywords: Variação linguística
Mídia
Crenças
Preconceito linguístico
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
metadata.dc.publisher.initials: UCB
metadata.dc.publisher.department: Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Letras (Graduação)
Citation: LIMA, Beatriz Rodrigues Carvalho de. De olho na mídia: um contraste entre as crenças e os usos da língua. 2014. 69 f. Artigo (Graduação em Letras) – Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2014.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8511
Issue Date: 13-Jun-2014
Appears in Collections:Letras (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BeatrizRodriguesCarvalhoDeLima.pdfMonografia2.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.