Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8560
metadata.dc.type: Artigo
Title: O modo imperativo em propagandas: um caso de variação linguística
metadata.dc.creator: Lima, Geovane Maciel
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Vânia de Aquino
metadata.dc.description.resumo: Este Trabalho de Conclusão de Curso inscreve-se no campo da Sociolinguística Variacionista e objetiva descobrir os fatores que favorecem, ou não, a ocorrência do indicativo ou do subjuntivo na construção de enunciados imperativos, considerando seu uso em propagandas disponíveis na internet. Para tanto, descreve, inicialmente, o conceito de língua, a partir dos estudos de Saussure, Chomsky e Labov e apresenta o estudo do modo imperativo a partir das visões normativa de Evanildo Bechara e Cunha & Cintra e de visões linguísticas, como as de Marta Scherre e Marcos Bagno. O corpus foi constituído por propagandas de instituições bancárias, operadoras de telefonia, cervejarias, dentre outras, analisado de forma qualitativa. Os resultados apontaram um predomínio no uso do imperativo associado ao subjuntivo nas propagandas, principalmente para desfazer ambiguidades, diante de advérbios de negação ou diante de pronomes de terceira pessoa. Já o imperativo associado ao modo indicativo é usado para favorecer o diálogo com o leitor, possibilitando, assim, uma maior proximidade entre os interlocutores.
Abstract: This final course assignment falls within the field of Sociolinguistics Variationist and aims to discover facts that favor or not the occurrence of the subjunctive or indicative in building imperatives set out, considering its use in advertisements available on the internet. They, describe, initially, the concept of language from studies of Saussure, Chomsky and Labov and presents the study of the imperative way from normative visions of Evanildo Bechara and Cunha & Cintra and linguistics, as Martha Scherre and Marcos Bagno. The corpus consisted of advertisements for banks, telephone companies, breweries, among others, analyzed qualitatively. The results indicated a predominance in the use of the imperative associated with the subjunctive in advertisements, especially to undo ambiguities, before adverbs of negation or before third person pronouns. In the case of the imperative associated with the indicative way is used to foster dialogue with the reader, thereby enabling greater proximity between the interlocutors.
Keywords: Modo imperativo
Sociolinguística
Variacionista
Propagandas
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
metadata.dc.publisher.initials: UCB
metadata.dc.publisher.department: Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Letras (Graduação)
Citation: LIMA, Geovane Maciel. O modo imperativo em propagandas: um caso de variação linguística. 2014. 60 f. Artigo (Graduação em Letras) – Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2014.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8560
Issue Date: 11-Jun-2014
Appears in Collections:Letras (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GeovaneMacielLima.pdfMonografia1.13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.