Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8616
metadata.dc.type: Artigo
Title: Uma abordagem lexical dos brasileirismos na obra O Mulato: revisitando a formação da identidade brasileira
metadata.dc.creator: Lopes, Afonso José de Souza
metadata.dc.contributor.advisor1: Aragon, Carolina Coelho
metadata.dc.description.resumo: A etnolinguística permite compreender as mudanças ocorridas através do tempo, pela análise da língua e cultura de um povo. Esta área de estudo fornece elementos significativos do acervo lexical de uma comunidade linguística, revelando traços semânticos formadores da visão de mundo, cultura, política, estrutura social e na literatura. A obra O Mulato, de Aluísio de Azevedo, foi precursora do estilo literário naturalista, que tem como característica a análise da realidade com o olhar rigorosamente científico. O autor descreve a São Luís do Maranhão, no final do século XIX, trazendo alguns elementos naturalistas evidenciados na crítica social, o anti-clericalismo e o preconceito racial, que é a raiz de toda a trama, a paixão de Ana Rosa pelo mulato Raimundo. É feita uma análise dos léxicos brasileiros, de origem indígena e africana, que estão presentes nas falas dos personagens, com o objetivo de constatar a enorme influência destes povos na construção cultural e formação de uma identidade linguística brasileira, que tem características próprias que a distingue da língua portuguesa de Portugal.
Abstract: The Ethnolinguistics allows us to understand the changes through time, by analyzing the language and culture of a people. This study area provides significant elements of the lexical stock of a linguistic community, revealing traces semantic trainers of the worldview, culture, politics, social structure and literature. The work The Mulato, of Aluísio de Azevedo, was a pioneer of naturalist literary style, which is characterized by the analysis of reality with the rigorously scientific look. The author describes the São Luis, in the late nineteenth century, bringing some naturalistic elements evidenced in social criticism, anti-clericalism and racial prejudice, which is the root of the whole plot, the passion of Ana Rosa by mulatto Raimundo . It is made an analysis of the Brazilian lexicons, indigenous and African descent, which are present in the speeches of the characters, in order to realize the enormous influence of these people in the cultural construction and training of a Brazilian linguistic identity, which has its own characteristics that distinguish it the Portuguese of Portugal.
Keywords: Léxico
Língua portuguesa
Literatura
Mulato
Brasileirismos
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
metadata.dc.publisher.initials: UCB
metadata.dc.publisher.department: Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Letras (Graduação)
Citation: LOPES, Afonso José de Souza. Uma abordagem lexical dos brasileirismos na obra O Mulato: revisitando a formação da identidade brasileira. 2015. 64 f. Artigo (Graduação em Letras) – Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2015.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8616
Issue Date: 19-Nov-2015
Appears in Collections:Letras (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AfonsoJoséDeSouzaLopes.pdfMonografia703.97 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.