Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8943
metadata.dc.type: Artigo
Title: Quando a literatura traz um novo olhar para a homoafetividade: contos infantis que ajudam a vencer o preconceito
metadata.dc.creator: Amaro, Allan Max de Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor1: Souza, Michelle Andressa Alvarenga de
metadata.dc.description.resumo: Diante da capacidade criativa do ser humano de estabelecer novas perspectivas de convivência social que favorecem à construção da cultura, vê-se ainda que as identidades e marcadores sociais criados há séculos ainda permanecem como forma de julgamento e marginalização dentro, também, do ambiente escolar. Pensando nisso, a literatura infantil está estabelecendo um novo olhar sobre a heteronormatividade e a família, e assim ajudando a vencer o preconceito em relação à diversidade sexual. Este trabalho procura mostrar como a literatura pode ser um importante instrumento conscientizador dentro da escola, onde se concentram a maior quantidade de diferenças. Por meio da análise do livro Heather has two mommies, mostraremos que é possível inserir temas sobre gênero e sexualidade na realidade infantil. A sua linguagem, escrita e visual, possibilita que a criança consiga enxergar além do que é apresentado diretamente. Consequentemente, extraindo o fictício e usando-o para a composição da realidade infantil é que a essência educativa da literatura ajuda a construir e preservar uma sociedade livre da marginalização ocasionada pelo preconceito às mais diversas subjetividades dos sujeitos.
Abstract: Given human’s creative capacity of establishing new perceptions to the social interaction which give strength to build culture, it is seem that social identities created centuries ago still are considered a strong statement of judging and bullying inside the educational environment. Because of that, children’s literature is presenting a new perspective on heteronormativity and on family and is helping to overcome prejudice related to the sexual diversity. This paper aims to show how literature may be an important tool to make children aware in the school because it is where is accommodated the highest number of differences. Through the analysis of the book “Heather has two mommies” we will try to show that it is possible to introduce gender and sexual themes inside children’s reality. Its language, images and written words make children see beyond of what is directly presented. As a consequence, extracting the fictitious and using it as a part of children’s reality, it is when the intrinsic educational nature of literature helps on building and preserving a society free from the prejudice regarded all sort of human being’s alterity.
Keywords: Cultura
Sociedade
Ambiente escolar
Literatura infantil
Homoafetividade
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
metadata.dc.publisher.initials: UCB
metadata.dc.publisher.department: Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Letras (Graduação)
Citation: AMARO, Allan Max de Oliveira. Quando a literatura traz um novo olhar para a homoafetividade: contos infantis que ajudam a vencer o preconceito. 2016. 28 f. Artigo (Graduação em Letras) – Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2016.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/8943
Issue Date: 2017
Appears in Collections:Letras (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AllanMaxDeOliveiraAmaro.pdfArtigo894.81 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.