Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/9998
metadata.dc.type: Monografia(Graduação)
Title: 157: histórias em comum
metadata.dc.creator: Camandaroba, Hariane Bittencourt
metadata.dc.contributor.advisor1: Kieling, Alexandre Schirmer
metadata.dc.description.resumo: O sistema carcerário brasileiro é deficitário. Superlotação, problemas estruturais, déficit de agentes penitenciários e a incapacidade de promover a ressocialização são algumas de suas maiores fraquezas. O presente memorial versa sobre as fundamentações, teorias, pesquisas de campo e constatações encontradas durante a gravação de um documentário cujo centro são os relatos e memórias de detentos e ex-detentos. 157: Histórias em comum busca evidenciar a realidade vivida por pessoas que cometeram crimes. Seja dentro ou fora das penitenciárias, a marca carregada por esses indivíduos é eterna. Nesse sentido, um sistema punitivo ineficiente, onde se prega a punição pela punição, contribui para a perpetuação de uma cultura da violência. Essa mesma cultura, presente na sociedade como um todo, reforça um ciclo de criminalidade e marginalização social que parece não ter fim. O documentário em questão perpassa esses temas, a partir dos relatos de quatro pessoas que conheceram de perto o sistema prisional do Distrito Federal, no coração do país.
Abstract: The Brazilian prison system is deficient. Overcrowding, structural problems, shortages of penitentiary agents and the inability to promote resocialization are some of its greatest weaknesses. This memorial deals with the foundations, theories, field research and findings found during the recording of a documentary whose center are the reports and memoirs of detainees and ex-detainees. 157: Stories in common seeks to evidence the reality lived by people who committed crimes. Whether in or out of penitentiaries, the wound carried by these individuals is eternal. In this sense, an inefficient punitive system, where punishment is preached by punishment, contributes to the perpetuation of a culture of violence. This same culture, present in society as a whole, reinforces a cycle of criminality and social marginalization that seems to have no end. The documentary in question permeates these themes, based on the reports of four people who knew about the prison system of the Federal District in the heart of the country.
Keywords: Detentos
Ex-detentos
Penitenciárias
Ressocialização
Sistema carcerário
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO::JORNALISMO E EDITORACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Católica de Brasília
metadata.dc.publisher.initials: UCB
metadata.dc.publisher.department: Escola de Educação, Tecnologia e Comunicação
metadata.dc.publisher.program: CST - Jornalismo
Citation: CAMANDAROBA, Hariane Bittencourt; PEREIRA, Tatiane Alice Rabelo Leite. 157: histórias em comum. 2017. 28 f. Monografia (Graduação em Comunicação Social - Jornalismo) – Universidade Católica de Brasília, Brasília, 2017.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ucb.br:9443/jspui/handle/123456789/9998
Issue Date: 2017
Appears in Collections:Comunicação Social - Jornalismo (Graduação)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
HarianeBittencourtCamandorobaTCCGraduacao2017.pdfMemorial406.84 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.